Não sabote sua aposentadoria!

O plano da aposentadoria perfeita pode enfrentar dificuldades

O que você tem de expectativa para sua aposentadoria? Já tem uma quantia guardada e investida? Se a resposta for sim, já é um passo dado, contudo, o caminho até lá é longo. Se for não, talvez o problema seja maior, neste caso já é hora de se mexer.

Muitas vezes as pessoas que já têm um planejamento de aposentadoria acabam, no dia a dia, se perdendo do objetivo final, que nada mais é do que aproveitar a velhice com qualidade de vida e saúde.

Uma das primeiras coisas que atrapalham esse plano é pensar que a aposentadoria dura poucos anos. Por isso, na hora de calcular os valores, considerem que você pode viver durante muito tempo ainda. Se a aposentadoria começar com 65 anos, por exemplo, pode durar até os 90 ou quem sabe até os 100 anos, é preciso ter dinheiro para viver bem durante todos esse tempo.

Nesse mesmo contexto de tempo, é importante ter em mente que a aposentadoria é um novo capítulo da vida, não o fim. Muitas pessoas consideram que estarão fazendo as coisas pela última vez e não é bem assim que funciona. Seja estratégico, viva o presente de olho no futuro. Se durante a aposentadoria realizou uma viagem, já pense que logo em seguida virão outras.

Outro deslize comum é gastar os investimentos logo cedo, se você planejou parar de trabalhar aos 60, mesmo que o dinheiro tenha rendido uma boa quantidade, não comece gastá-lo aos 50, por exemplo. Além disso, não tenha o pensamento de que irá repor depois, seja firme no seu propósito.

Considere também que a medida do que vamos envelhecendo, a saúde não é mais a mesma, surgem problemas inimagináveis. Neste caso, não é bom subestimar os gastos médicos, reserve uma boa quantia, pois além do preço dos procedimentos em si, ainda tem transporte, alimentação, habitação e todos os outros gastos no caso de uma emergência médica. Outra dica é ter consciência de que nem mesmo os melhores planos de saúde têm cobertura integral, uma parcela das economias deve ser também para atender estes imprevistos. 

Em se tratando de família, os pais às vezes colocam sua aposentadoria em risco para ajudar os filhos e netos. Ajudar o filho em um negócio novo que ele vai abrir pode levar seu futuro por água abaixo. Sendo assim, vale avaliar em que situações os filhos realmente precisam de ajuda e ser firme em tomar uma boa decisão visando o seu bem estar.

Falando em negócio novo, é comum que você tenha o desejo de abrir um empreendimento quando visualizar o dinheiro rendendo nos investimentos. Contudo, deve-se ter muito cuidado, antes de tomar qualquer decisão, estude bastante os riscos e lucros. É preciso verificar se essa ideia vai trazer de volta o dinheiro investido. 

Voltando no assunto família, é de conhecimento de todos que casamentos e divórcios geram bastante gastos e neles sua aposentadoria pode entrar em jogo. Durante o planejamento, leve isso em consideração, mesmo que seja uma possibilidade remota. 

Por fim, não existe plano perfeito de aposentadoria, porém, existe prevenção e cautela. É uma ação de vida toda e indicar todas as possibilidades possíveis aumenta suas chances de ter uma vida tranquila e saudável no tempo que você preparou. 

 

Tags: previdência previdênciacomplementar

Veja mais