Entenda a corrida pelo ouro

Vale a pena comprar agora?

Quando se fala em corrida do ouro, pode até parecer que vamos tratar sobre algum período histórico como o Brasil colônia, contudo o assunto é muito mais atual do que imaginamos e pode fazer parte da nossa vida. 

O fato é que a economia mundial está vivendo um período de instabilidade, assim, a tendência é que as pessoas fiquem mais apreensivas e busquem soluções de investimentos mais seguros. Neste ponto que entra o assunto ouro, em muitos períodos da história, em muitos países, o ouro foi protagonista por ser um metal valioso, por isso, atualmente a procura por ele tem aumentado, a cotação já cresceu 34,3% em 2019.

Guerra comercial

A inconstância na economia mundial se deu por inúmeros fatores, mas em uma análise mais macro, podemos destacar que o conflito comercial entre Estados Unidos e China é um influente.

Tudo começou em 2018 quanto o presidente dos EUA, Donald Trump anunciou mudanças nas tarifas impostas sobre produtos chineses, a justificativa era proteger produtores americanos e motivar a produção no país. Em contrapartida, o governo chinês reagiu com retaliações e ações contra os anúncios. Desde então, os noticiários trazem constantemente novos capítulos sobre a briga entre as duas potências. 

Porto seguro

No contexto apresentado, especialistas arriscam dizer que a insegurança do mercado durará pelo menos em médio prazo e que o ouro pode ser um porto seguro nessa situação. É o mercado internacional em dólar que define o preço do metal, como a moeda dos EUA teve alta, consequentemente, a cotação do ouro também.

Contudo, é preciso ser cauteloso para fazer esse investimento, afinal, ele pode variar bastante em períodos pequenos de tempo. É recomendado para investidores mais experientes. Outra dica é não concentrar todas as aplicações apenas no metal, a variabilidade ainda é uma estratégia importante na hora de investir. 

Onde encontrar

Se veio à sua mente aquelas imagens de barras de ouro que víamos na TV, é assim mesmo que funciona o investimento em ouro. Existem corretoras especializadas que vendem as barras lacradas, o que você deve manter, caso contrário, há mais custos para lacrar novamente. Vale lembrar que essas empresas precisam ser autorizadas pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários), outras lojas nem sempre são confiáveis. 

Por questão de segurança, pode ser complicado guardar barras de ouro em casa. Neste caso, uma alternativa é comprar contratos financeiros na Bolsa de Valores. Basta procurar uma corretora credenciada e fazer o investimento. Para ter uma noção, uma barra de 250 gramas equivale a R$ 40 mil, apesar de um valor alto, ele é mais prático de vender. Existem também outros contratos, 10 gramas equivalem a R$ 1.600 e 0,225 grama, R$ 35, contudo, esses são menos negociados. 

Existem fundos de investimentos para ouro também, você pode comprar cotas a partir de R$ 1.000 e elas vão variando com o passar do tempo. 

Por fim, investir em ouro pode ser rentável, desde que feito de maneira cuidadosa. Enquanto a economia mundial viver de incertezas, vale opções mais estáveis para cuidar do seu dinheiro.

Tags: finanças investimento

Veja mais